Garota é atropelada várias vezes por ter recusado relação sexual

Garota é atropelada várias vezes por ter recusado relação sexual

Ele teria sufocado e passado com o carro por cima da garota diversas vezes porque ela se recusou a ter relações sexuais com ele.

Policiais norte-americanos prenderam um jovem suspeito de tentar matar uma menina de 14 anos. Ele teria sufocado e passado com o carro por cima da garota diversas vezes porque ela se recusou a ter relações sexuais com ele.

Adrian Mendez, de 21 anos, foi preso na segunda-feira (23) em sua casa, em Marion County, na Flórida, acusado de sequestro e tentativa de homicídio.

De acordo com a vítima, que não teve o nome divulgado, Mendez ofereceu o equivalente a R$ 438 (US$ 200) para que ela fizesse sexo com ele.

Após recusar a proposta, a vítima foi puxada pelo cabelo e obrigada a entrar no carro do jovem, onde ele a sufocou até que ela perdesse a consciência. Acredita-se que ela tenha passado cerca de 90 minutos dentro do veículo até ser jogada na estrada Wilson Parrish.

Testemunhas do crime relataram ter visto o carro andar diversas vezes para frente e para trás sobre o corpo da menina, segundo informações do jornal americano The Huffington Post.

?Eu continuo vendo isso na minha cabeça", disse Shane Green, que viu a ação de Mendez.

? Ele recuava, batia novamente nela (...) e passava com os pneus por cima do corpo da menina. Então, ele foi embora porque ele nos ouviu [Shane e outras testemunhas] gritando com ele.

A vítima foi encontrada na noite de domingo (22) com as pernas e o quadril quebrados e ferimentos no pescoço.

Ela foi levada ao hospital e, apesar dos graves ferimentos, conseguiu identificar o suspeito em uma série de fotos apresentada pela polícia.

Fonte: r7