Garoto que sofre bullying em sua escola esfaqueia o próprio colega

Garoto que sofre bullying em sua escola esfaqueia o próprio colega

Vizinhos afirmaram Crump e seus amigos tinham espancado, ameaçado e escarnecido o menino por ele ser pobre

O jovem Noel Estevez, que aparece no lado esquerdo da foto, atacou o colega de escola Timothy Crump, que aparece no lado direito da imagem, com uma faca de cozinha após sofrer bullying. Crump levou vários golpes no dorso e acabou morrendo.


Garoto esfaqueia colega de escola após sofrer bullying

Testemunhas disseram que Estevez tirou a faca depois que Crump o socou. Vizinhos afirmaram Crump e seus amigos tinham espancado, ameaçado e escarnecido o menino por ele ser pobre. Essas ações levaram Estevez a tentar o suicídio por enforcamento.

Depois do crime, Estevez foi levado para a prisão e indiciado como um adulto. Ele responderá pelo crime de assassinato em segundo grau, segundo informações do jornal New York Daily News.


Garoto esfaqueia colega de escola após sofrer bullying

A aluna e testemunha, Chailyn Oballe, contou que estava deixando a aula quando viu um grupo amontoando do lado de fora da escola.


Garoto esfaqueia colega de escola após sofrer bullying

Estevez tentou sair, mas pessoas espalhadas perto da cena gritaram "alguém tem uma faca" e o rapaz foi parado por um guarda. O garoto que foi golpeado chegou a ser levado para um hospital no Bronx, mas foi declarado morto.

? Eu vi o rapaz com a faca. Parecia que ele estava prestes a esfaquear alguém e, em seguida, ele colocou a faca no bolso e cobriu-a com sua camisa.


Garoto esfaqueia colega de escola após sofrer bullying

Aqueles que conheciam os dois meninos, que eram amigos no Facebook, deram informações divergentes sobre o relacionamento deles. Fontes disseram que Estevez estava sendo atacado por Crump porque ele tinha batido nele antes. Outros amigos disseram que Estevez estava sendo intimidado por Crump.

Vizinhos disseram que Estevez estava com medo de o grupo de meninos, que urinou na porta do seu apartamento, o perseguiu pela rua e o deixou com muito medo de sair de casa.

Fonte: r7