Gêmeos siameses, com apenas um coração, mudam de hospital para terem melhor tratamento

Gêmeos siameses, com apenas um coração, mudam de hospital para terem melhor tratamento

Os recém-nascidos têm duas cabeças, dois pescoços, duas espinhas cerebrais e esôfagos e traquéia separados, mas eles têm apenas um coração

Os gêmeos siameses, que nasceram com um corpo e duas cabeças, foram transferidos para um dos principais hospitais da Índia para uma análise mais aprofundada do caso.

Com 3 dias de idade, os bebês já estão sendo tratados em All India Institute of Medical Sciences Hospital ( AIIMS ), em Nova Dheli. Entretanto, os pais, Urmila e Subhash Sharma, ainda estão se recuperando em Cygnus JK Hospital Hindu, em Sonipat, e ainda estão em processo de adaptação por terem concebido bebês especiais.

Dra. Shikha Malik, que fez o parto dos bebês e está ajudando a família, disse que os recém-nascidos têm duas cabeças, dois pescoços, duas espinhas cerebrais e esôfagos e traquéia separados, mas eles têm apenas um coração e estômago e um pulmão cada.

Ela acrescentou que a maioria de seus órgãos vitais são compartilhados. E enquanto um bebê está dormindo, o outro às vezes está chorando, e, por enquanto, o lado direito, até agora, está crescendo muito mais forte.

"Até agora eles estão sobrevivendo muito bem. É um presente que eles tenham chegado tão longe. Nós só podemos rezar para que haja um futuro para eles", disse Malik. "Estamos tentando de tudo para ajudá-los e estamos falando com especialistas de todo o mundo para ver se há alguma possibilidade de cirurgia; é algo que parece improvável no momento".

O pai dos bebês, Subhash, de 32 anos, que trabalha como operário em uma fábrica de bicicletas, disse que está depositando todas as suas esperanças nos médicos, mas sua prioridade é a saúde de sua esposa. "Quando minha esposa começou a sentir dores no ventre, corremos para ver um médico. Quando chegamos a conhecê-los, não havia palavras, ficamos muito chocados. Era tudo nas mãos de Deus", ele disse.

"Eu sou o pai, então eu vou fazer o que puder para eles. Tudo o que eu estou ganhando irá para os meus filhos. Assim como eu me importei com minha outra filha, eu vou cuidar desses bebês também, mas o futuro deles depende dos médicos. Eu sou um homem pobre e eu farei o meu melhor para a minha família?, frisa Subhash.

Urmila, de 28 anos, só chegou a ver uma foto de seus bebês siameses e ainda tem de conhecê-los. Seu marido e sua outra filha de 3 anos de idade, Shalini, estão com ela durante todo o dia, enquanto ela recupera a sua força.

"Ela está se sentindo mentalmente esgotada e não se sente forte o suficiente para ver seus bebês ainda", disse Malik. "O marido dela vai nos dizer quando ela estiver pronta. Só podemos imaginar o que ela deve estar sentindo, é um caso muito triste".

Dr. Minu Bajpai, cirurgião pediátrico no comando do caso dos siameses, disse: "Estamos no processo de trabalhar a sua anatomia e a extensão da sua fusão. Seu sistema respiratório está infectado no momento, por isso estamos tentando tratar isso e precisamos estabilizar tudo antes para que possamos avançar. Nós faremos novos testes na próxima semana. Este é um caso muito raro, muito complexo, mas estamos esperando que os testes nos digam mais sobre o caminho certo a seguir".


 Gêmeos siameses, com apenas um coração, mudam de hospital para receberem melhor tratamento

 Gêmeos siameses, com apenas um coração, mudam de hospital para receberem melhor tratamento

 Gêmeos siameses, com apenas um coração, mudam de hospital para receberem melhor tratamento

 Gêmeos siameses, com apenas um coração, mudam de hospital para receberem melhor tratamento

Fonte: NY Daily News