Heterossexual é detido na Russia por protestar contra lei anti-gay

Heterossexual é detido na Russia por protestar contra lei anti-gay

Acusado de ativista, advogado queria apoiar amiga homossexual e solidarizar-se contra a lei anti gay aprovada em São Petersburgo

No último domingo, 7, Sergey Kondrashov segurou um cartaz, em São Petersburgo, na Rússia, com a seguinte frase: ?Uma querida amiga da família é lésbica. Minha esposa e eu a amamos e a respeitamos. E sua família é exatamente igual a nossa.? Ele foi preso.

Acusado de ativista, o advogado queria mostrar seu apoio a uma amiga homossexual e solidarizar-se contra a lei anti gay (que proíbe qualquer ?propaganda? homossexual) aprovada na cidade russa de São Petersburgo. Na verdade, Sergey ergueu seu cartaz porque acredita que todos os russos são iguais perante o Estado e devem ter os mesmo deveres e mesmo direitos e a lei anti gay não faz nenhum sentido.

Por sua atitude fraterna, ele pode ser multado e preso por até duas semanas. Entidades ligadas aos direitos dos homossexuais estão protestando contra a prisão.A Rússia mostra ser um país pouco amistoso com os homossexuais e acaba de rejeitar a declaração dos direitos dos homossexuais pelo G8.

Fonte: Folha