Homem realiza salto histórico e bate velocidade do som

Homem realiza salto histórico e bate velocidade do som

Balão chegou a 39 mil metros de altura, de onde Felix saltou

Após cerca de 2h30 de subida, o austríaco Felix Baumgartner atingiu a altura de 38,6 mil metros e realizou um salto histórico da estratosfera. Na queda livre, que durou 4min20, ele se tornou o primeiro homem a ultrapassar a velocidade do som sem o auxílio de equipamentos mecânicos. Depois disso, ele abriu o paraquedas, que o conduziu sem segurança até o chão.

Os fortes ventos no local do lançamento até adiaram o evento na última terça-feira, mas não impediram Baumgartner, 43 anos, de alcançar a proeza neste domingo. Além de ser o primeiro homem a superar a velocidade do som sem ajuda mecânica, Baumgartner subiu globalmente ao ponto mais afastado da Terra e realizou o salto mais alto com paraquedas.

A velocidade exata da queda de Baumgartner será verificada pelos instrumentos que ele levou em seu traje. Analistas e especialistas ratificarão então a informação de que ele quebrou a velocidade do som. Em condições normais, na atmosfera terrestre a velocidade do som é de 1.234 km/h, enquanto na estratosfera se pode alcançar com 1.110 km/h, pela menor resistência do ar, segundo a missão que coordenou o salto.

Vestindo um traje pressurizado, necessário porque na estratosfera não existem condições para a vida devido à falta de oxigênio, ao frio (inferior a 68 graus abaixo de zero), e à pressão, que podem até levar a uma hemorragia cerebral, Baumgartner demorou mais de 2 horas para atingir o ponto do qual saltou em queda livre.

Promovido pela Red Bull, o evento, denominado Stratus, foi realizado em Roswell, Novo México, e contou com a participação do coronel da Força Aérea Americana Joseph Kittinger, que era detentor do antigo recorde de salto em queda livre. O paraquedista treinou por cinco anos para conseguir o feito, fazendo saltos de grande altitude com Lucas Aikins, seu consultor de paraquedismo, para encontrar uma posição corporal sólida.

Cientificamente falando, os objetivos do projeto eram ajudar no desenvolvimento de uma nova geração de trajes espaciais, auxiliar o desenvolvimento de protocolos de exposição a alta altitude e alta aceleração, e ajudar a exploração dos efeitos sobre o corpo humano de aceleração e desaceleração supersônico.


Homem realiza salto histórico e bate velocidade do som

Fonte: Terra, www.terra.com.br