Idoso morre assado em forno industrial após genro trancá-lo na máquina por acidente

Alan Catterall, um avô de 54 anos, limpava a máquina quando o operador Mark Francis acidentalmente ligou-a, prendendo-o dentro dela

Um idoso estava trabalhando no interior de um forno industrial quando seu genro, um operador, ligou a máquina sem saber que o homem estava lá dentro.


Alan Catterall, um avô de 54 anos, limpava a máquina quando o operador Mark Francis acidentalmente ligou-a, prendendo-o dentro dela.

Os trabalhadores da fábrica só perceberam o que tinha acontecido quando começou a sair fumaça da máquina.

Mark, que estava noiva da filha mais velha de Alan, não sabia que o sogro estava dentro da enorme máquina quando a ligou.
Homem morre assado em forno industrial após genro trancá-lo acidentalmente na máquina

Alan Catterall, um avô de 54 anos, morreu queimado depois de ficar preso em um forno industrial, em Cheshire, na Inglaterra, ligado pelo próprio genro.

A máquina possui um dispositivo de auto trancamento e, por isso, Alan ficou preso.

Embora tenha gritado e usado um pé de cabra para tentar se libertar, Alan morreu agonizando no forno, que atinge temperaturas de até 280º C.

Alan era pai de três filhos e trabalhava no Pyranha Molduras em Runcorn, em Cheshire, na Inglaterra, empresa que usa os fornos para a fabricação de kayaks de plástico.

O acidente levou a empresa a ser acusado de homicídio culposo corporativo por fala de segurança.

Os diretores da empresa negam violações de saúde e segurança.

Alan havia trabalhado na empresa, ao lado de sua esposa e filha, há 17 anos.

 

Fonte: Gadoo