Jato que caiu na Inglaterra tinha membros da família de Bin Laden

O jato caiu em um local de leilões de carros

Image title

A embaixada da Arábia Saudita no Reino Unido confirmou que membros da família de Osama Bin Laden estavam no avião da Embraer que caiu nesta sexta-feira, em Hampshire, na Inglaterra.

O jatinho particular caiu em um local de leilões matando o piloto e mais três passagerios que estavam a bordo.

O embaixador saudina no Reino Unido, principe Mohammed bin Nawaf Al Saud, prestou condolências à família Bin Laden.

"Sua Alteza Real, príncipe Mohammed bin Nawaf Al Saud... prestou condolências à família e parentes de Mohammed bin Laden [pai de Osama] no aeroporto de Blackbushe, na Grã-Bretanha, pela grande perda que sofreram como resultado da queda de um avião que levava a família", diz o comunicado.

A embaixada disse que estava em contato com a equipe britânica que investiga o acidente e tentava assegurar que os corpos fossem entregues para os funerais na Arábia Saudita de forma rápida.

O avião - um Embraer Phenom 300 - pertenceria a uma empresa da família. A aeronave, que chegava de Milão, na Itália, caiu em um feirão de carros pouco após as 15h no horário local, explodindo com o impacto.

Testemunhas disseram que viram uma "bola de fogo" e "várias explosões." De acordo com a polícia de Hampshire, ninguém que estava no solo foi atingido.

Em um comunicado, o aeroporto local disse que o jatinho caiu perto do fim da pista enquanto tentava pousar.

Fonte: Terra