Jornalista portuguesa é apalpada durante transmissão ao vivo; vídeo

A repórter não perdeu a concentração e conseguiu relatar o ocorrido

Como toda entrada ao vivo para um jornal, o repórter que está dando as informações pode sofrer com alguns imprevistos.

Na última terça-feira (15), uma jornalista da TVI, de Portugal, foi "apalpada" por um homem enquanto fazia uma cobertura ao vivo da greve dos funcionários da Soflusa, empresa portuguesa de transporte ferroviário.

A repórter falava os dados que havia apurado atentamente, quando um homem com aparência de certa de 50 anos a viu e gostou de sua beleza. Ele, então, numa atitude totalmente inesperada, começou a passar a mão em seu cabelo e em outras partes de seu corpo.

Para continuar relatando as informações, a jornalista precisou dar alguns passos para o lado e se afastar do indivíduo, bem como o seu câmera. Mesmo com o fato, a repórter não perdeu a concentração e conseguiu relatar o ocorrido.

Vídeo: 

Fonte: Com informações do Uol