Jovem de 16 anos fica com peixe preso na garganta por 5 horas

O adolescente de 16 anos pescava no momento do acidente

Um adolescente de Bangladesh quase morreu depois de engolir uma enguia viva que ficou alojada em sua traquéia durante cinco horas, de acordo com o Daily Mirror.


O garoto de 16 anos de idade, que não teve a identidade revelada, pescava no momento do acidente. Após fisgar uma enguia espinhosa indiana de 16 centímetros, ele a colocou entre os dentes. Acidententalmente, o peixe escorregou pela boca e ficou preso na sua garganta.

Desesperado, o jovem correu para casa para pedir ajuda à família. Na tentativa de remover a enguia, os parentes do adolescente acabaram empurrando o animal para o interior do organismo do garoto.

A vítima começou a apresentar dificuldades para respirar e foi levada ao hospital. Como os médicos não conseguiram visualizar o peixe, eles decidiram fazer uma cirurgia de emergência. Os especialistas fizeram um corte na garganta do adolescente e inseriram um tubo em sua traqueia para que ele pudesse respirar.

Cinco horas após o acidente, os médicos finalmente viram a barbatana caudal da enguia através do orificio criado pela incisão. Só então  o peixe foi recolhido com uma pinça.

Um caso semelhante aconteceu a um homem de 45 anos, que foi atendido no mesmo hospital. O caso havia acontecido em um vilarejo na zona rural, a 300 quilometros do centro médico. Após ficar 12 horas com o peixe na garganta, o homem acabou morrendo.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: TERRA