Jovem é assassinada dentro de dormitório de universidade

Clayton Whittemore, 21 anos, foi preso em um acostamento perto da cidade de Syracuse

Alexandra Kogut, uma caloura universitária de 18 anos, foi encontrada morta em seu dormitório na universidade de New York College na manhã do último sábado. Segundo a polícia da cidade de Brockport, no Estado de Nova York, o corpo da jovem foi encontrado depois de um telefonema de sua mãe, preocupada por não conseguir entrar em contato com a filha. A polícia acredita que Alexandra tenha sido espancada em seu quarto por seu namorado.

Clayton Whittemore, 21 anos, foi preso em um acostamento perto da cidade de Syracuse, a 160 km de onde ocorreu o crime, uma uma hora depois de a polícia encontrar o corpo da adolescente. Whittmore confessou ter intencionalmente assassinado a namorada, mas não explicou a motivação. Não se sabe o que causou sua morte.

Alexandra foi descrita pela família como "uma jovem brilhante e bonita, que estava muito entusiasmada em começar a estudar em uma universidade". Segundo amigos de Alexandra, o casal namorava havia cerca de um ano. Em viagem recente, um amigo comentou, ela e o namorado não demonstraram tipo algum de desentendimento.


Jovem é assassinada dentro de dormitório de universidade

Fonte: Terra