Jovem quebra pescoço,vai à trabalho e só percebe dois dias depois; confira

O acidente aconteceu na localidade de Doncaster, no dia 28 de junho

Uma jovem britânica que foi arremessada para o ar por um brinquedo em um parque de diversões e caiu de cabeça no chão metálico da atração, só percebeu que tinha quebrado o pescoço no dia seguinte, e após completar normalmente o seu turno de seis horas de trabalho, informa o jornal britânico Daily Mail. O acidente aconteceu na localidade de Doncaster, no dia 28 de junho.


Jovem quebra o pescoço, vai ao trabalho e só percebe 2 dias depois

Jodie Madin, 24 anos, foi ejetada do brinquedo conhecido no Brasil como Tagadisco - que consiste em um disco com cadeiras que balança e gira enquanto os passageiros ficam sentados tentando se segurar em bancos sem cinto de segurança - e caiu de cabeça no meio do círculo.

Apesar do impacto, ela voltou para o lugar e continuou seu passeio. "Eu fui arremessada do meu assento alguns metros para o ar em um ângulo vertical, dei um pequeno giro e caí de cabeça no centro do chão de metal", conta Madin. "Eles pararam o brinquedo e perguntaram se eu estava bem, mas como eu estava envergonhada, fiz um sinal de positivo e eles me disseram para voltar para o meu assento".

No dia seguinte, ela sentiu dores, mas foi trabalhar normalmente. Apenas dois dias depois do acidente, foi ao médico, quando passou a sentir uma dor insuportável e teve grande dificuldade para levantar a cabeça do travasseiro.

Os médicos então diagnosticaram uma fratura na quinta vértebra da coluna e que ela poderia ter ficado paralítica no acidente. Ela passou três dias imobilizada e deve utilizar o colar cervical por pelo menos seis semanas.

"Eu tive muita sorte. Me assustou muito o que poderia ter acontecido comigo", diz a jovem. "Eu costumava amar montanhas-russas, mas eu acho que agora vou passar a evitar".

Fonte: Terra