Kim Jong-un assume as funções supremas na Coreia do Norte

Kim Jong-un assume as funções supremas na Coreia do Norte

Com menos de 30 anos, foi eleito "presidente" do poderoso Comitê Militar Central do Partido dos Trabalhadores da Coreia (PTC)

O jovem líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, assumiu nesta quinta-feira o maior posto militar do regime, no qual agora ocupa todas as funções supremas, informou a imprensa estatal.

Kim Jong-un, que tem menos de 30 anos, foi eleito "presidente" do poderoso Comitê Militar Central do Partido dos Trabalhadores da Coreia (PTC), em uma reunião extraordinária do partido único, na quarta-feira, anunciou a agência oficial KCNA.

Homem forte do país desde a morte do pai, Kim Jong-il, em dezembro, Kim Jong-un já tinha o título de comandante supremo das Forças Armadas da Coreia do Norte, que têm 1,2 milhão de oficiais.

Ele também foi designado "primeiro-secretário" do PTC.

"Isto significa que o Norte completou o processo de transferência de poder dentro do partido do ex-dirigente a Kim Jong-un", comentou o professor Yang Moo-Jin, da Universidade de Estudos Norte-coreanos em Seul.

Seu avô, Kim Il-Sung, herói da resistência à ocupação japonesa e fundador do regime em 1948, governou até a morte, em 1994, quando foi substituído pelo filho, Kim Jong-il, que faleceu em dezembro do ano passado aos de 69 anos.

A Coreia do Norte recorda do dia 15 de abril o centenário do nascimento de Kim Il-sung.

O regime pretende lançar um foguete com um satélite, supostamente civil, para marcar a data, mas a comunidade internacional condena o projeto, que considera um teste disfarçado de míssil balístico, em violação a resoluções da ONU.

Fonte: Folha