Mãe do suposto filho de Bieber pode ser processada por estupro

Mãe do suposto filho de Bieber pode ser processada por estupro

Mariah Yater já era maior de idade quando supostamente passou a noite com o cantor teen, que tinha 16 anos na época.

Mariah Yater, de 20 anos, mãe do suposto filho de Justin Bieber, pode estar encrencada. Caso se confirme que ela teve uma relação sexual com o cantor teen, que na época tinha apenas 16 anos, ela pode ser processada por estupro estatutário, informa o jornal "Daily Mail".

Ainda de acordo com a publicação, a lei americana afirma que "qualquer pessoa que tenha relações sexuais com um menor cuja diferença de idade seja de três anos ou mais está cometendo um delito."

Na época do suposto encontro, Mariah tinha 19 anos. De acordo com a agência de notícias Associated Press, o comandante Adrew Smith afirmou que ainda não tomou nenhuma providência quanto ao caso, mas que pode vir a tomar, já que Mariah Yater está entrando com um processo de reconhecimento de paternidade.

No processo, Mariah pede que Justin Bieber "comprove cientificamente" que é o pai da criança e que "promova o apoio adequado" para o bebê, que nasceu em 6 de julho de 2011.

O jornal "Daily Mail" publicou uma cópia da certidão de Tristyn Anthony Markhouse Yeater, suposto filho de Justin Bieber. Não há informações sobre o pai da criança no documento.


Fonte: Ego, www.ego.com.br