Menino chinês passa por cirurgia após professor mandar alunos baterem 40 vezes em seu rosto

Menino chinês passa por cirurgia após professor mandar alunos baterem 40 vezes em seu rosto

O professor ainda, em um comportamento absurdo, disse que o aluno que desse o tapa que fizesse o som mais alto ganharia um prêmio

Um menino chinês de 12 anos de idade teve que passar por cirurgia ocular.

Ele foi severamente agredido, mais de 40 vezes por ordem de seu professor que ordenou que todos da sala dessem um ?tapa na sua cara?.

O menino, morador de Zhengzhou, na província de Henan, China, teria sido agredido por ter deixado de fazer o dever de casa.

O professor ainda, em um comportamento absurdo, disse que o aluno que desse o tapa que fizesse o som mais alto ganharia um prêmio. A criança, que não teve o nome revelado na imprensa internacional a pedido das autoridades locais, disse: ?Depois de ser golpeado, o professor, em seguida, me fez fazer flexões e não permitiu que eu almoçasse?.

Naquele mesmo dia, antes de dormir, a criança percebeu que não conseguia enxergar direito e precisou ser levada ao hospital de emergência.

A mãe do menino acrescentou: "Eu não sabia que o dano era tão grave. O médico disse que o olho do meu filho não pode ser curado?.

Segundo relatos, o professor que ordenou os tapas, alegou que castigar as crianças faz com que eles progridam. A escola ofereceu R$ 10.500,00 de compensação após a cirurgia.

Fonte: Jornal Ciência