Morte forjada por Michael Jackson não seria crime nos EUA; jornalista garante que cantor está vivo

Morte forjada por Michael Jackson não seria crime nos EUA; jornalista garante que cantor está vivo

Portanto, se Michael Jackson forjou ou não a sua morte para levar uma vida norma e feliz, o que sabemos é que ele não está sozinho.

Pseudocídio. Você sabe o que é isso? Essa palavra não tem tradução para o português. Significa forjar a própria morte. A grande surpresa é que isso não é um crime nos Estados Unidos. Portanto, se como muitos acreditam, Michael Jackson está vivo, ele não cometeu nenhum crime.

Quem diz isso é o próprio FBI (sigla em inglês para Agência Federal de Investigação). A resposta direta é do porta-voz Bill Carter, que diz não ter conhecimento de nenhuma lei federal que se aplique a qualquer pessoa que finja a sua própria morte.

A procuradora e consultora da Thomson Reuters Jill VanderZiel publicou pesquisou o tema e descobriu 20 casos de mortes forjadas citadas na justiça americana. Com a sua pesquisa, em uma primeira observação, ela descobriu pelo menos 20 menções de mortes forjadas.

Portanto, se Michael Jackson forjou ou não a sua morte para levar uma vida norma e feliz, o que sabemos é que ele não está sozinho. Se o rei do Pop resolver aparecer, não poderá ser considerado um fora da lei.

ENTENDA O CASO

No programa Balanço Geral de terça-feira (15), Luiz Bacci repercutiu a polêmica sobre Michael Jackson. O jornalista Dirceu Jackson levantou a suspeita de que o astro não teria morrido no dia 25 de junho de 2009 e ainda estaria vivo. No palco do programa, ele mostrou vídeos e um e-mail que, segundo ele, teria sido enviado pelo próprio músico após sua morte ter sido declarada.

Questionado sobre a foto divulgada na imprensa na qual aparece Michael já morto, Dirceu é incisivo.

? Essa foto não existe. É uma montagem. Essa imagem do Michael caído, é de um show. Colocaram no Photoshop e fizeram a montagem

Dirceu comentou o motivo que levaria o astro do pop a forjar a própria morte.

? Na verdade ele morreu para poder viver. Ele não ia aguentar fazer os 50 shows em Londres. Ele tinha 1,78 m de altura e estava com 50 quilos. Imagina? Ele forjou a morte para poder viver com os filhos e pagar as dívidas e se tornar um mito.

Sem medo de ser polêmico, o jornalista garante que Michael assistiu ao próprio funeral, sentado na terceira fileira. Ele mostrou uma foto de uma mulher loira sentada no evento e afirmou ser o astro.

? Todo mundo da família dele olhava pra ela direto, por isso, me chamou a atenção. Comparei algumas fotos e comprovei que é o Michael Jackson, vestido de mulher, assistindo ao próprio velório.

Segundo Dirceu, além da família, o FBI também sabe que Michael está vivo.

? Na Califórnia tem uma lei que se você for uma pessoa física, que ajudou a mudar a história dos Estados Unidos, você pode forjar a sua morte por até dez anos.

Durante a conversa, Dirceu lembra que o caixão só foi aberto para a família e amigos durante alguns minutos.

? O caixão que estava no velório, não era o mesmo do enterro. Fizeram uma montagem e mostraram Michael no mesmo caixão do James Brown.

Em outro vídeo, Dirceu mostra Michael Jackson deixando a ambulância vivo e caminhando no dia em que foi declarado morto. Que mistério, hein?

No terceiro vídeo, Dirceu mostra Michael no aeroporto de Dubai anos depois da sua morte e algumas pessoas o reconheceram no local.

? Ele teria ido para a casa de um sheik para se esconder depois da sua morte.

Em seguida, Dirceu apresentou um vídeo gravado em 2010, em Paris, onde Michael teria sido flagrado por turistas um ano após a sua morte.

Assustado ao ver que estava sendo filmado, Michael tampa o rosto com sacolas e seus seguranças teriam tentado arrancar o celular com as imagens gravadas pelos turistas. O detalhe é que o mesmo segurança que aparece na imagem estava ao lado do astro no aeroporto de Dubai.


Morte forjada por Michael Jackson não seria crime nos EUA; jornalista garante que ele está vivo

Morte forjada por Michael Jackson não seria crime nos EUA; jornalista garante que ele está vivo

Morte forjada por Michael Jackson não seria crime nos EUA; jornalista garante que ele está vivo

Morte forjada por Michael Jackson não seria crime nos EUA; jornalista garante que ele está vivo

Morte forjada por Michael Jackson não seria crime nos EUA; jornalista garante que ele está vivo

Morte forjada por Michael Jackson não seria crime nos EUA; jornalista garante que ele está vivo

Fonte: r7