Mulher confessa ter matado dois filhos por eles terem abusado sexualmente de uma criança

A identidade da vítima do suposto abuso não foi divulgada.

Uma americana confessou ter matado dois filhos menores de idade e escondido os corpos deles no congelador de sua casa. A polícia afirma que a mulher alegou que matou os irmãos após descobrir que eles tinham molestado uma criança.

Mitchelle Blair, de 35 anos, foi presa, na última terça-feira, depois que agentes da justiça foram até o lar da família com uma ordem de despejo, em Detroit, nos Estados Unidos, e descobriram sobre os dois assassinatos. Segundo a polícia, a mãe matou o filho, de 11 anos, há dois anos, e a filha, de 14, em maio do ano passado.

A identidade da vítima do suposto abuso não foi divulgada. Segundo o chefe de polícia James Craig, os corpos dos irmãos mortos serão submetidos à autópsia na próxima quinta-feira. No entanto, fontes da polícia dizem que garoto foi vítima de estrangulamento e a menina de agressões. As acusações contra Mitchelle serão dadas apenas após a liberação do resultado dos exames nos mortos. “Embora o desejo de saber o que aconteceu naquela casa seja forte, eu vou pedir-lhes para estarem atentos às duas crianças que estavam no local e ainda estão vivas”, disse Craig a jornalistas, durante coletiva de imprensa nesta quarta-feira, em referência aos outros dois filhos de Mitchelle, de 11 e 17 anos, que foram colocados em custódia do governo. “Eles passaram por muita coisa, como vocês podem imaginar. É um trauma enorme”, afirmou ele.

Vizinhos disseram que quando eles perguntavam sobre as duas crianças desaparecidas, Mitchelle dizia que eles estavam vivendo com uma tia. Eles também afirmaram que a mãe não deixava os filhos irem a escola e os educava em casa. A descoberta dos assassinatos chocou os moradores do complexo habitacional onde a família morava. “Isso é tão trágico”, afirmou a vizinha Tori Childs, de 33 anos. “Eu sei que ela realmente ficou fora de si quando soube que um parente estava sendo molestado”.

Fonte: Extra