Mulher diz que foi abduzida e estuprada por Aliens na Lua

Ela disse que foi levada quanto tinha 25 anos e foi estuprada na Lu

Image title

A ex-oficial de rastreamento de radar para a Força Aérea dos Estados Unidos,  Niara Terela Isley, afirma ter sido sequestrada por um "humanóide com cauda". Segundo ela as abduções aconteciam durante à noite e que ela era levada para uma base secreta no lado mais distante da Lua. Ela conta ainda que enquanto esteve lá foi feita de escreva sexual sendo obrigada a ter relações sexuais com alienígenas.

A americana atualmente mora no Estado do Colorado e conta que isso acontecia quando ela tinha 25 anos. Ela disse que no "lado escuro" da Lua, "havia um monte de abuso sexual".

Durante entevista ao tabloide britânico Mirro, Niara disse que foi levada ao espaço cerca de oito ou dez vezes em vários meses. "Acredito que minha memória tenha sido apagada. Mesmo assim, eu lembrei de muita coisa", relatou dizendo que antes não lembrava bem o que tinha acontecido e teve que fazer hipnose para descobrir mais detalhes sobre os abusos que sofreu na lua.

Image title

Um outro caso, o também americano DAvid Huggins, hoje com 70 anos, conta que foi abduzido quando tinha apenas 8 anos e diz que foi objeto de experiências com extraterrestres e que deixou de ser virgem uma alien.

Huggins, que é artista plástico e mora em Nova Jersey (EUA), retrata em quadros a experiência que teve, segundo ele, "em outros planetas". Segundo ele a alien que tirou sua virgindade chama-se "crescent" que possui um corpo semelhante a de um ser humano.

Image title

A história do pintor foi contado no filme Love and Saucers: The Far Out World Of David Huggins (algo como "Amor e Discos, O Mundo Fora da Terra de David Huggins") do diretor Brad Abrahams que traz no documentário depoimentos de Huggins e de amigos dele.

O americano relata que teve várias experiências com ETs, todas com corpo parecido com as de terráqueas. "Perdi minha virgindade com uma extraterrestre e isso ainda está claro nas minhas lembranças", disse ele. "Não lembro de tudo. Mas lembro exatamente como ela era e a retratei em um quadro".

Image title

"Eles entraram no meu quarto e me levaram. Lembro de flutuar antes de ser levado a uma nave", afirma o americano. "Eu apenas deitei no chão e ela ficou por cima de mim. Foi normal, sem traumas", relatou ao jornal Huffington Post.

Ela fez a pintura (abaixo) do que seria a tal Crescent. "Ela tinha aparência humana, exceto pelos olhos largos e pelo rosto afunilado", confessa. "Também fizemos amor aqui na Terra. Tive essas experiências até os 17 anos". 

Image title

Huggins foi além: disse ter sido abduzido várias vezes e que teve filhos, quando foi levado mais velho, com aliens.

Também retrata em quadros algumas cenas que presenciou, como experiências feitas com terráqueos. "Muitas pessoas foram levadas. E também tiveram experiências eróticas com os ETs", revelao pintor.




Fonte: r7