Mulher transgênero é detida após pênis ser confundido com explosivo

Shadi contou sobre o episódio no Twitter, onde postou uma foto.

Uma mulher transgênero foi humilhada após ser detida por seguranças de aeroporto depois de passar por um scanner corporal e sua genitália ser questionada pelos agentes.

Shadi Petosky, escritora e produtora, afirmou ter sido submetida a uma inspeção no Aeroporto Internacional de Orlando pela Administração de Segurança no Transporte dos EUA (TSA).

Durante o procedimento, seu pênis se mostrou como “algo estranho”, já que a máquina estava “calibrada” para mulheres.

Shadi Petosky, escritora e produtora, mulher transgênero foi detida no Aeroporto Internacional de Orlando, EUA, porque seu pênis foi confundido com um explosivo.

Todo o ocorrido no aeroporto durou 40 minutos e ela perdeu seu voo para Minneapolis.

Shadi contou sobre o episódio no Twitter, onde postou uma foto em lágrimas.

A TSA enviou um tweet informando entender todas as possíveis violações dos direitos civis como algo muito sério, e disse que estão buscando obter mais informações sobre o ocorrido.

Clique e acesse mais notícias 

Image title


Fonte: Com informações do Gadoo