Novo homem mais velho do mundo celebra 114 anos

Jirouemon Kimura "herdou" título após recente morte de americano.

O japonês Jirouemon Kimura, que se tornou há apenas cinco dias o homem mais velho do mundo, completou 114 anos na terça-feira (19), informou a agência local "Kyodo".

Kimura, que vive na província de Kyoto, assumiu o posto de homem mais velho do mundo em 14 de abril, data em que o americano Walter Breuning faleceu aos 114 anos.

Kimura, que tem 7 filhos, 14 netos, 25 bisnetos e 11 tataranetos, passa quase todo o tempo de cama e é como o mais velho na lista elaborada pelo Grupo de Investigação Gerontológica de Los Angeles, seguido pelo também japonês Tanekichi Onishi, com 111 anos.

"É uma grande honra, e não posso descrever meus sentimentos em palavras", disse às autoridades de Kyoytango, durante uma festa em família.



Kimura disse que não sabia sobre o terremoto seguido de tsunami que atingiu o país em 11 de março. Ele disse que foi um "evento terrível".

Kimura nasceu em 19 de abril de 1897, trabalhou em um escritório dos correio por cerca de 40 anos, até se aposentar para se dedicar à agricultura. Ele trabalhou até os 90 anos.

O Japão é o país com a maior esperança de vida e tem a população mais velha do mundo, segundo dados da ONU.

O país mantém o posto apesar de as autoridades japonesas terem descoberto em 2010 que mais de 200 mil cidadãos que apareciam nos registros como supostos centenários estavam desaparecidos.

Após uma pesquisa, ficou constatado que muitos deles já haviam falecido sem que seus familiares tivessem feito a notificação, já que desse modo podiam seguir percebendo suas pensões.

Fonte: g1, www.g1.com.br