Para fugir da responsabilidade, mãe esconde cadáver de filho em pelúcia

A mãe de 19 anos confessou que a criança sofreu convulsões e morreu.

Uma jovem mexicana escondeu em um urso de pelúcia o cadáver de sua filha de sete meses, que morreu aparentemente por uma pneumonia agravada por sintomas de desnutrição, informou na sexta-feira o Ministério Público de Jalisco (oeste).

A mãe de 19 anos "confessou que a criança sofreu convulsões e morreu em seus braços e ela, para fugir de sua responsabilidade, ocultou o cadáver em um urso de pelúcia para depois se desfazer do corpo", disse em uma coletiva de imprensa o procurador geral de Jalisco, Luis Carlos Nájera Gutiérrez.

Os incidentes ocorreram na terça-feira, quando a jovem - mãe de outro menino de dois anos - reportou às autoridades o suposto desaparecimento de seu bebê.

"Em suas primeiras declarações disse que roubaram sua filha (...) depois falou que a havia vendido por 100 pesos, mas também não era lógico, e então pedimos a ela que se submetesse ao polígrafo e ela concordou" em dizer a verdade, disse o procurador.

Nájera Gutiérrez informou que a bebê morreu por uma pneumonia agravada por uma desnutrição severa, pela qual se investiga se a mãe, que foi colocada à disposição do Ministério Público, é responsável.

"Até o momento, a causa da morte e as investigações mostram que a mãe seria responsável por declarações falsas e enterro clandestino", afirmou.

Fonte: Terra