Parentes reclamam da falta de informações da companhia Malaysia Airlines após sumiço de avião

Parentes reclamam da falta de informações da companhia Malaysia Airlines após sumiço de avião

Voo da Malaysia Airlines com 239 pessoas a bordo desapareceu neste sábado durante o trajeto da Malásia até a China

Parentes chineses de passageiros a bordo do voo da Malaysia Airlines, que desapareceu com 239 pessoas a bordo pouco depois de decolar, na Malásia, reclamaram do tratamento recebido da empresa aérea, afirmando que estão sendo mantidos desinformados, de acordo com informações da agência Reuters.

Alguns parentes foram levados para um hotel perto do aeroporto de Pequim, o destino original do voo MH370. Eles foram orientados pela companhia a esperar por informações em seus quartos, mas até agora não houve contato, dizem. Ao menos 152 dos 227 passageiros são chineses.

?Não há ninguém da companhia aqui, nós não conseguimos encontrar uma única pessoa. Eles apenas nos colocaram no quarto e disseram para esperarmos?, afirmou um homem que não quis se identificar. ?Eles nem nos deram a lista de passageiros?, acrescentou.

Outro familiar procurando por informações falou que a Malaysia Airlines está tratando os parentes ?pior do que cachorros?. Cerca de 20 pessoas deixaram seus quartos no hotel para protestar contra a falta de notícias.

Um funcionário não identificado da empresa falou rapidamente com os repórteres presentes no local. ?Nós estamos trabalhando com as autoridades que já iniciaram as buscar e as equipes de resgate. Nossos pensamentos e orações estão profundamente com os passageiros e seus familiares?, afirmou.

Fonte: Terra, www.terra.com.br