Primeiro foguete privado decola com destino à Estação Espacial Internacional

O “Falcon 9” partiu às 3h44 (hora local) da mesma plataforma de lançamento - reformada - de onde a Nasa lançava seus ônibus espaciais.

Um foguete não tripulado privado da empresa SpaceX decolou de Cabo Canaveral, Flórida, nesta terça-feira (22), numa missão teste cujo destino é a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), tornando-se o primeiro voo comercial a viajar rumo ao complexo orbital.


Primeiro foguete privado decola com destino à Estação Espacial Internacional

O ?Falcon 9? partiu às 3h44 (hora local) da mesma plataforma de lançamento - reformada - de onde a Nasa lançava seus ônibus espaciais que agora estão aposentados. O foguete leva a cápsula ?Dragon?, com carga para os seis astronautas que ocupam a ISS.

A carga de pouco mais de 500 kg leva suprimentos simples, como alimentos, que, apesar de úteis, não são indispensáveis para os astronautas que estão na ISS. Isso porque esse voo ainda é visto como um teste, uma forma de mostrar que a empresa e capaz de levar carga e, posteriormente, astronautas até a estação.

A Space X, cujo nome completo é Space Exploration Technologies, recebeu da Nasa US$ 1,6 bilhão para fazer 12 voos de reabastecimento para a estação após a aposentadoria dos ônibus espaciais no ano passado. Ao lado dela, outra empresa, a Orbital Technologies, também está sob contrato para realizar esses voos robóticos.

Se as empresas conseguirem provar que podem voar com segurança, os americanos ? que estão sem naves próprias desde a aposentadoria de Discovery, Endeavour e Atlantis ? finalmente poderão voltar ao espaço por conta própria.

Atualmente, a Nasa dependente da Rússia para enviar tripulação à estação espacial, a um custo de mais de US$ 60 milhões por pessoa.

(*) Com informações das agências de notícias France Presse e Reuters

Fonte: G1