Príncipe Harry chega à Antártida para expedição beneficente e frio o castiga

Príncipe Harry chega à Antártida para expedição beneficente e frio o castiga

Evento vai arrecadar fundos para associações dedicadas a ajudar militares feridos.

O príncipe Harry, neto da rainha Elizabeth II da Inglaterra, chegou à Antártida, onde tentará se acostumar com as baixas temperaturas antes de começar uma caminhada com esquis de 334 quilômetros pelo Polo Sul com fins beneficentes.

Segundo informam neste sábado os veículos de imprensa britânicos, Harry, de 29 anos, está preocupado com o efeito do mau tempo na expedição "Walking With The Wounded" (Caminhando com os feridos, em tradução livre), na qual competem 12 participantes, divididos em três equipes.

Harry, que está na base militar da Antártida com outros participantes da caminhada benéfica, declarou à rede de televisão britânica "ITV" que aparentemente o tempo "vai piorar, mas tentaremos fazer o que podemos".

Os participantes da caminhada com esquis, a maioria soldados feridos, andarão entre 15 e 20 quilômetros por dia, com temperatura ambiente de até 45 graus negativos e ventos próximos a 100 km/h, com o objetivo de chegar em 16 de dezembro a seu alvo no centro do Polo Sul. Cada equipe, que levará um guia, arrecadará dinheiro para organizações beneficentes para militares da Commonwealth, dedicadas a ajudar os feridos.

Fonte: R7, www.r7.com