Veja! Rapper desviou US$ 400 mil do Haiti

Wyclef Jean formalizou candidatura à presidência do Haiti nesta quinta-feira (5).

O ator Sean Penn demonstrou ser contra a candidatura do rapper Wyclef Jean, formalizada oficialmente nesta quinta-feira (5), à presidência do Haiti.

Na última quarta-feira, ele questionou os motivos que estariam levando o músico a se candidatar ao cargo.

Penn, que passou longos períodos no Haiti desde o terremoto que devastou o país em janeiro deste ano, disse em entrevista à rede de TV CNN que Jean tem sido uma "não-presença" nos trabalhos para reerguer a nação mais pobre das Américas desde a tragédia.

"Ele tem ficado praticamente calado sobre o povo haitiano, uma não-presença", disse o ator vencedor do Oscar, que comanda uma campanha com 55 mil pessoas em uma organização da qual é co-fundador, a J/P Haitian Relief Organization.

Desvio de verba doada

Apesar de reconhecer que Jean é "uma voz importante", Penn também acusou o músico de desaparecer com mais de US$ 400 mil doados à sua instituição de caridade, a Yele Haiti Foundations.

"Isso tem de ser investigado. Eu estive lá [no Haiti]. Sei o que US$ 400 mil fariam pela vida destas pessoas e pela vida de uma garota de 24 anos que está morrendo neste momento. Por tudo isso, quero ver alguém que está mesmo disposto a se sacrificar por seu país e não apenas um cara que vi desfilando pelo Haiti em carreata, demonstrando riqueza - o que, naquele contexto, considerei uma exibição obscena."

No começo do ano, Jean chorou ao negar que sua fundação de caridade tivesse desviado fundos doados ao país.

Formalização da candidatura

Jean registrou na quinta-feira sua candidatura à presidência do Haiti, segundo uma fonte do partido Viv Ansanm (Viver Juntos).

"Wyclef se registrou como candidato a presidente pelo meu partido", disse à Reuters Daniel Jean Jacques, presidente do partido.

O músico, que vive nos EUA desde os 9 anos, chegou na quinta-feira ao Haiti num jato particular. Ele disse que o devastador terremoto de janeiro precipitou sua decisão de concorrer.



O músico haitiano Wyclef Jean (Foto: Divulgação)

Fonte: g1, www.g1.com.br