'Tenho um probleminha', diz mexicano ao chegar em hospital com tesoura na cabeça

De acordo com a reportagem, ele estava em seu bar, quando um homem violento começou a perturbá-lo.

Um homem assustou os médicos de um hospital na cidade de Chihuahua, no noroeste do México, quando chegou na recepção e disse: "Eu tenho um probleminha. Será que alguém pode me ajudar?". Ele estava com parte de uma tesoura fincada em sua cabeça.

As informações são do Daily Mail. Segundo a publicação, Jonas Acevedo Monroy, 32 anos, foi apelidado de "O cavalheiro" pelos funcionários do hospital, devido a sua educação em meio à situação em que se encontrava.

De acordo com a reportagem, ele estava em seu bar, quando um homem violento começou a perturbá-lo. Monroy teria oferecido um drink para acalmar o homem. O agressor não aceitou a bebida, tirou parte de uma tesoura de seu casaco e fincou na cabeça do dono do bar. Monroy pegou uma carona com um de seus amigos e foi para o hospital. Ele estava sangrando muito quando chegou na recepção do hospital e pediu "educadamente por ajuda". Os médicos afirmam que ele teve sorte de não morrer. A tesoura atingiu nervos e veias de seu rosto, mas as lesões não são fatais. Apesar da gravidade de seus ferimentos, a vítima fez uma recuperação completa e já está em casa.


Fonte: Terra