Travesti de 27 anos morre após passar anos usando pênis 'para trás'

Ela foi diagnosticado com a doença após visitar uma clínica

Uma travesti tailandesa que precisou ter o pênis amputado para se livrar de um câncer causado por usar o membro “para trás” por anos, morreu.

Niwat Sangmor, de 27 anos de idade, foi diagnosticado com a doença após visitar uma clínica em Khon Kaen, Tailândia, e acabou precisando ter o membro removido cirurgicamente para que a doença não se espalhasse.

A travesti, que era conhecido como “Sexy Pancake”, desenvolveu o câncer na região por usar pênis “para trás”, a fim de se parecer com uma mulher.

Ela posava para fotos frequentemente e mantinha o órgão genital na posição incomum praticamente todos os dias. Niwat morreu recentemente no hospital.



Travesti era conhecida como “Sexy Pancake” (Crédito: Divulgação)
Travesti era conhecida como “Sexy Pancake” (Crédito: Divulgação)
Travesti era conhecida como “Sexy Pancake” (Crédito: Divulgação)
Travesti era conhecida como “Sexy Pancake” (Crédito: Divulgação)
Fonte: DailyMail