Turista é repreendida por roupa sexy que distraía motoristas

Turista é repreendida por roupa sexy que distraía motoristas

A holandesa Jasmijn Rijcken foi parada por um policial que disse que sua saia poderia causar acidentes

Uma turista holandesa que andava de bicicleta em Nova York foi parada por um policial porque sua saia era muito curta. Jasmijn Rijcken, 31 anos, disse ao jornal online Daily Mail que recebeu a advertência no dia 3 de maio. Segundo a holandesa, o policial disse que a saia dela era tão curta que poderia provocar acidentes.

"Ele disse que era preocupante, que poderia distrair os motoristas e que era perigoso", afirmou Rijcken. "Pensei que ele estava brincando, mas ele ficou bravo e pediu meus documentos", disse a turista. Ela explicou que era estrangeira e não conhecia as regras de trânsito da cidade, e o policial desistiu de multá-la, segundo o The Globe and Mail.

O policial disse a Rijcken que ela deveria pedalar de calças, que ela passou a usar a partir do dia seguinte. "No outro dia, eu tive o cuidado de não usar saia", disse a turista ao Village Voice, que afirmou que o policial ignorou o fato de que ela não usava capacete.

A polícia de Nova York negou a história - Rijcken não anotou o nome do policial que fez a advertência. Jasmijn Rijcken, que trabalha em uma fábrica holandesa de bicicletas, estava em Nova York para o evento ciclístico New Amsterdam Bike Show. A organizadora do encontro, Joanna Virello, afirmou ao New York Daily News que está planejando um passeio ciclístico como protesto em favor de Rijcken.

Fonte: Terra, www.terra.com.br