Universitário forja sequestro para não revelar nota baixa aos pais

Universitário forja sequestro para não revelar nota baixa aos pais

Aftab Aslasm, 19, tomou a decisão após tirar uma nota "F".

Para não ter de contar aos pais que tinha sido reprovado em uma disciplina na faculdade, um estudante forjou o próprio sequestro nos Estados Unidos.

Aftab Aslasm, 19, tomou a decisão após tirar uma nota "F" na aula de inglês da Georgia Gwinnett College, curso em que ele já tinha sido reprovado anteriormente. As informações são do jornal Daily Mail.

No dia 27 de abril, o universitário saiu de casa e enviou uma mensagem aos pais fingindo ser um sequestrador. O texto dizia que o estudante havia sido sequestrado e que a polícia não deveria ser avisada ou Aftab seria morto.

Os pais, no entanto, acionaram a polícia, que entrou em contato com o FBI e começaram uma "investigação intensiva" na Geórgia.

Durante o período de busca, o jovem esteve acampado em Forsyth County. Aftab voltou para casa oito dias após o sumiço, quando o clima mudou e os dias ficaram muito úmidos e frios para que ele continuasse seu "acampamento".

Inicialmente, o jovem manteve a história do sequestro e afirmou ter sido drogado e mantido prisioneiro. Mas após o cruzamento de informações, ele admitiu a mentira.

Após o ocorrido, o universitário foi acusado de três crimes: falso testemunho, adulteração de provas e ameaça terrorista. Teria sido mais fácil justificar a nota baixa.

Fonte: UOL