Vítima de atirador havia presenciado tiroteio no Canadá

Jessica Ghawi postou no seu perfil no Twitter da sala de cinema, onde aguardavada para ver a estreia.



Uma das vítimas do atirador que matou 12 pessoas na estreia do filme Batman - O Cavaleiro das Trevas Ressurge em cinema em Aurora, no Estado americano do Colorado, havia presenciado o tiroteio que deixou um morto e sete feridos no Toronto Eaton Centre, em Toronto, no Canadá, mês massado. Na noite de ontem, Jessica Ghawi postou no seu perfil no Twitter da sala de cinema, onde aguardavada para ver a estreia.

A aspirante a repórter de esportes diz, no seu perfil no Twitter, onde se identifica como Jessica Redfield, que podia ser encontrada "no estúdio de TV, em uma arena da NHL (liga americana de hóquei), em um avião ou escrevendo". No dia 2 de junho, ela presenciou o pânico que tomou conta do maior shopping center de Toronto. Depois do ocorrido, escreveu no seu blog sobre a tragédia. Segundo o site de notícias Kens5.com, de San Antonio, ela havia se mudado recentemente para Denver.

Ainda segundo o site, ela precisou "coagir" um amigo para ir com ela à estreia do novo filme do Batman, segundo confirmou seu irmão Jordan Ghawi, que mora em Denver. O amigo que acompanhava Jessica, Brent Lowak, também foi atingido. Levado ao hospital, ele passou por um procedimento cirúrgico, segundo o Kens5.com. Pouco antes do tiroteio começar, Jessica postou várias vezes no seu perfil do Twitter. Ela estava feliz. "É claro que nós estamos vendo o Cavaleiro das Trevas", escreveu ela.

Fonte: Terra