Vladimir Putin ironiza prisão de fundador do WikiLeaks

Site de Assange gera polêmica ao vazar documentos diplomáticos dos EUA

O primeiro-ministro da Rússia, Vladimir Putin, questionou nesta quinta-feira (9) a prisão do fundador do site WikiLeaks, Julian Assange, no Reino Unido. "Isso é democracia?", perguntou durante uma entrevista.

"Se falamos de democracia, é necessário que seja total. Por que Assange foi preso? Isso é democracia?", indagou o primeiro-ministro russo.

"É preciso começar olhando para nossos próprios pés. A bola está no campo de nossos colegas americanos agora", ironizou Putin.

O presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, também criticou a prisão de Assange. Lula disse estranhar não estar vendo nenhum protesto pela liberdade de expressão e disse que "o culpado não é quem divulgou, é quem escreveu".

Assange está preso em Londres desde terça-feira, acusado de crimes sexuais na Suécia, para onde pode ser extraditado.

Seu site provoca polêmica ao vazar aos poucos mais de 250 mil documentos diplomáticos dos EUA.

Fonte: g1, www.g1.com.br