Jovem morre após consumir quatro baldes de vodka com energético

Peter Nicholson já havia tomado mais de 20 garrafas de cerveja

O engenheiro Peter Nicholson, de 29 anos, exagerou na bebedeira e se deu mal durante sua viagem de férias. Ele acabou morrendo de envenenamento por álcool após consumir o equivalente a quatro baldes de vodka com energético durante um período de 36 horas na Tailândia.

Peter Nicholson (Crédito: Reprodução)
Peter Nicholson (Crédito: Reprodução)


O jovem já havia tomado mais de 20 garrafas de cerveja, além de shots de uísque e outras bebidas apenas em seu primeiro dia de viagem ao país.

No entanto, o consumo de energético misturado ao álcool disfarçou seus efeitos colaterais da bebida, e Peter não percebeu que já estava extremamente bêbado.

Na manhã seguinte, seus amigos tentaram acordá-lo em seu quarto de hotel em Bangkok, mas não conseguiram, ligaram para os para médicos mas quando chegaram ao quarto o engenheiro já estava morto./Ninguém no hotel se pronunciou sobre o caso.

Fonte: Com informações do R7