Junta Comercial passa por revolução tecnológica com o Piauí Digital

Junta Comercial moderniza sistema e faz treinamento de funcionários

A Junta Comercial do Estado do Piauí (Jucepi) passa por um processo de modernização com a implantação do Projeto Piauí Digital, que vai concretizar todas as diretrizes da Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (Redesim).

Com o projeto, o Governo busca integrar todos os processos dos órgãos e entidades responsáveis pelo registro, isncrição, alteração e baixa das empresas através de entrada única de dados e de documentos acessados via internet.

Segundo a presidente da Junta Comercial do Piauí, Alzenir Porto, o lançamento está programado para o mês de março. "Saimos de um período em que havia muita burocracia e lentidão para abertura de empresa para um período célere de até cinco dias, no máximo. Quando se consolidar, o Piauí Digital será uma ferramenta que nos dará condições de concluirmos processos em questão de horas e dias", afirma.

A Jucepi está treinando funcionários e apresentando o projeto a todos os parceiros, como contadores e empresários para que possam se familiarizar com o sistema. "Temos parceiros importanes, como o Conselho Regional de Contabilidade, Administração, Fecomércio, Sebrae, Indústria, Sindilojas, Sedet, ATI e o Governo do Estado, que está apoiando essa mudança", explica Alzenir.

Alzenir afirma que o novo sistema está sendo apresentado aos municípios e toda  documentação anterior a 2015 está sendo digitalizada. São cerca de 7 milhões de imagens. "Com o novo sistema, no momento em que a documentação é recebida, ela já é  digitalizada", comenta.

A modernização implantada na Jucepi tem aprovação dos profisisonais de contabilidade. Josafan Bonfim, presidente do Conselho Regional de Contabilidade, afirma que o Piauí Digital é uma revolução tecnologica, com o objetivo de dar maior agilidade aos serviços.

A contadora Lucelia Lima diz que tem boas expectativas com o Piauí Digital, pois vai diminuir o tempo para abertura de empresa e aumentar o grau de satisfação dos empresários.

A também contadora Leonice Benício afirma que o sistema vai atender a demanda de toda classe contábil. "A modernização vai nos dar uma resposta mais ágil", diz, enfatizando a necessidade e importância de treinamentos para esse período de adaptação.

Para Simone Vieira, consultora da Vox Tecnologia, empresa responsável pelo sistema de modernização, o Piauí  Digital é um portal conforme determinado pela Rede Sim de Entrada única de Dados e Informações para Registro Mercantil no Piauí , que tem a ferramenta Sigue Fácil, cuja finalidade é fazer o recebimento de dados e documentos que serão analisados pela  Junta e distribuídos a todos os órgãos envolvidos no registro mercantil, seja os municípios e os órgãos de licenciamento.

"Com o novo sistema, a distribuição será em tempo real. O  inicio é feito pelos contadore e empresários por meio do portal disponibilizado. Eles poderão acompanhar e verificar o andamento e fazer a retirada dos documentos no próprio portal", afirma, enfatizando que os usuários poderão usar a ferramenta para fazer coleta de dados, informações e protocolcar todos os documentos em via única, que tramitará de forma digital e todo processo poderá ser acompanhado via internet.

Concurso

Além da implatanção do Projeto Piauí Digital, Alzenir Porto destaca o concurso público com 10 vagas, sendo 9 para nível médio e uma para nível superior, além de 40 vagas para cadastros de reservas, que podem ser convocados à medida das necessidades, já que há muitos funcionários prestes a se aposentar. "Para este concurso, estamos concluindo o projeto, então, passaremos a Uespi para elaboração do edital", esclarece.

Alzenir também anuncia a contratação de tradutor oficial para prestação de serviço à Junta Comercial, como tradutores não só em inglês, mas ainda em cinco ou seis idioas. "Iremos fazer a seleção e habilitá-los junto a Jucepi. Não é que essas pessoas serão funcionários, mas estarão autorizadas a fazer a tradução oficial e acreditamos que possamos ter entre 30 a 35 profissionais tradutores", disse.

Fonte: Com informações do Portal do Governo