Ladrão abandona menina com síndrome de Down e bate van

Ladrão abandona menina com síndrome de Down e bate van

Menina foi socorrida por frentista após ser deixada em avenida da Zona Sul de São Paulo

Um assaltante foi preso depois de roubar uma van escolar com uma criança dentro nesta segunda-feira (3). Ele abandonou a menina de 10 anos, que tem síndrome de Down, em uma avenida na Zona Sul da cidade de São Paulo, fugiu e provocou um acidente. A criança foi socorrida por um frentista, informou o SPTV.

O carro ficou destruído, quase partido ao meio, no acidente ocorrido na Avenida Interlagos. O assaltante bateu em quatro carros, derrubou uma árvore e atingiu um poste.

O assalto aconteceu por volta das 7h, quando a dona da van tinha acabado de deixar duas crianças em uma escola. A motorista não teve tempo de avisar que havia outra criança a bordo. O ladrão partiu em alta velocidade, segundo a polícia.

O sargento José Ricardo de Oliveira soube que a menina estava em perigo pelo rádio da PM e encontrou a van logo depois do acidente. A criança não estava mais dentro.

Preso nas ferragens, o suspeito disse o que fez com ela. ?Perguntei para ele onde estava a criança, achando que ela estivesse no interior do veículo, e ele informou que ela estava na Avenida Vitor Manzini?, contou o PM.

Depois de rodar em alta velocidade na região da represa Guarapiranga, o ladrão parou o carro, abriu a porta e mandou a criança descer na calçada. ?Deixou a criança no meio da rua, não falou para ninguém. Graças a Deus um funcionário do posto de gasolina, um frentista, avistou a criança sozinha na calçada e a levou para o posto de gasolina?, disse Oliveira.

Apesar da batida, o ladrão não sofreu nenhuma fratura. No começo desta tarde, foi para a prisão. Segundo a polícia, ele já cumpriu pena por quatro crimes e tatuou no braço o símbolo de um deles: o sequestro de uma das vítimas.

Depois do susto, a criança reencontrou os pais na delegacia. O suspeito vai responder a processo por roubo e por ter provocado um acidente grave.

Fonte: G1