Localizado corpo de brasileira desaparecida após tsunami

O corpo de Ana Isabel foi encontrado na ilha de Upolu, a mais atingida pelo tsunami

O corpo da brasileira Ana Isabel Pinheiro da Silva, que estava em Samoa no dia 29 de setembro, quando um tsunami atingiu a região, foi encontrado nesta sexta-feira, de acordo com informações de familiares na Paraíba.

O sobrinho de Ana Isabel, Valentin, que mora em Sousa, na Paraíba, informou que o irmão da brasileira Rodrigo Pereira postou no Orkut uma mensagem informando parentes e amigos sobre o falecimento.

"Com muito pesar e dor, venho informar a todos os amigos e familiares que aqui busquem por minha irmã Bel que recebemos a confirmação, através do Itamaraty, de sua morte. Peço que não deixem recados aqui. Assim todos poderão ver esse meu recado e ter a notícia de sua partida. Por favor! Aproveito para agradecer a atenção, o carinho e a preocupação de todos. Nos conforta muito saber que nossa irmã era tão querida não só por nós - da família biológica -, mas por todos vocês: sua família de amigos. Agradeço a todos", diz a mensagem.

O Ministério das Relações Exteriores (MRE) afirmou que o corpo de Ana Isabel foi encontrado na ilha de Upolu, a mais atingida pelo tsunami. A identificação do corpo foi feita ontem à noite pelas autoridades de Samoa. O MRE trabalha junto com a família para trazer o corpo ao Brasil.

O último contato de Ana Isabel com a família ocorreu por meio de um e-mail enviado no dia 24 de setembro. Desde então, os familiares e amigos da paraibana estavam em contato com embaixadas e consulados.

Há um ano, Ana Isabel foi estudar inglês na Nova Zelândia e, desde então, viajava pela região. No dia 16 de setembro, ela e uma amiga viajaram para Samoa, no Oceano Pacífico. A amiga retornou no dia 21 de setembro e Ana Isabel ficou e pediu à amiga para remarcar a passagem de retorno à Nova Zelândia.

Valentin afirmou que costumava se comunicar com a tia via internet. "Como eu ficava até 1h, 2h, ela às vezes me esperava para conversarmos."

Segundo Valentin, Bel já havia morado em Salvador, Belo Horizonte e São Paulo antes de ir para a Nova Zelândia, mas costumava passar o Natal com a família - em João Pessoa ou Sousa, na Paraíba. Ela só não teria ficado para a festa familiar em 2008, ano em que foi para a Nova Zelândia.

Conforme o sobrinho, a brasileira retornaria definitivamente para o País ainda neste ano. Ela previa chegar no Brasil no dia 7 de novembro, segundo o último e-mail enviado.

Fonte: Terra, www.terra.com.br