Polícia impede invasão de manifestantes na Prefeitura de THE

Polícia impede invasão de manifestantes na Prefeitura de THE

Os participantes da manifestação encontravam-se concentrados na frente da sede da Prefeitura desde o início da manhã de hoje.

Um grupo de manifestantes conseguiu furar o bloqueio policial montado na entrada do Palácio da Cidade, sede da Prefeitura de Teresina, na manhã de hoje, e tentou entrar no salão nobre, onde o prefeito Elmano Ferrer participava de uma solenidade de assinatura de acordo técnico, científico e cultural com a Universidade de Lisboa. Os policiais militares que faziam a segurança do palácio reagiram, e impediram a entrada dos manifestantes na solenidade. Houve confusão e empurra empurra.

A fato aconteceu por volta das 10h. Depois de conseguir impedir a entrada do grupo no salão nobre, os policiais retiraram os manifestantes do palácio, e fecharam as entradas do local. Na escadaria, os PMs montaram um cerco isolando a entrada. O protesto continuou, e os policiais utilizaram até spray de pimenta para afastar o grupo. A mobilização foi conduzida pelo Sindicato dos Servidores Municipais de Teresina (Sindserm).

Os participantes da manifestação encontravam-se concentrados na frente da sede da Prefeitura desde o início da manhã de hoje. De acordo com Sinésio Soares, do Sindserm, a intenção é acompanhar o prefeito em todas as atividades das agendas de hoje, para realizar protestos. Os servidores municipais reivindicam reajuste salarial de 47%.

?Não podemos atender bem à população com nosso salário atual. Viemos aqui hoje informar ao prefeito o fato de que continuamos em greve. Não poderíamos ter sido impedidos de entrar, pois estávamos convidados para a solenidade que acontecia no salão nobre?, afirmou Soares.

Com a saída principal isolada pelos policiais militares, os participantes da assinatura do convênio tiveram de utilizar uma saída lateral do palácio.









Fonte: Dowglas Lima, Jornal Meio Norte