Marcha para Jesus 2015 reúne multidão em Teresina

Os evangélicos não foram os únicos a ir às ruas.

Uma multidão se reuniu na edição piauiense do maior evento cristão do país, ontem (04), a Marcha para Jesus 2015, em Teresina. Com o tema 

“Marchando pela Família Saudável, sem violência, sem drogas, sem pedofilia, sem crimes, sem suicídio”, a marcha contou com 10 trios elétricos para animar a multidão e se dividiu por todo o percurso da caminhada - do balão do São Cristóvão até a Avenida Frei Serafim, próximo ao cruzamento com a Rua Coelho de Resende. O evento levou fiéis de todas as idades, classes sociais e gêneros à avenida para declarar o seu amor a Jesus Cristo.

Segundo o apóstolo Soares, coordenador e fundador da Marcha para Jesus em Teresina, o tema significa marchar por uma família saudável com mais educação e segurança. “Temos três grandes pilares: declaramos que Jesus é o Senhor da família, a celebração da unidade da família e unidade do povo de Deus”, afirma o apóstolo.

Os evangélicos não foram os únicos a irem às ruas por Cristo, era possível encontrar pessoas de outras religiões pelo percurso. As irmãs Ana Célia e Nancir Fortes são católicas e nunca perderam nenhuma edição da Marcha para Jesus.

Segundo elas, toda manifestação em nome do Senhor é válida. “Nós viemos louvar a Jesus, esse evento é importante para que todos nós fiquemos unidos por Ele, independe qual a religião que seguimos. O fato de hoje os católicos celebrarem Corpus Christi não atrapalhou, sabemos dividir os dois eventos”, afirma Ana Célia.

A marcha também arrastou caravanas até a principal avenida da capital, um grupo de 40 jovens foram movidos pela fé até o evento. Para eles, celebrar a palavra de Deus deve ser feito com alegria, por isso, providenciaram enfeites com plaquinhas, camisetas e chapéus.

“Nós estamos aqui por causa do amor a Ele, sem o nosso Deus não somos nada, queremos demonstrar esse amor aqui, apesar de fazermos isso todos os dias, hoje é um dia muito especial, onde nos reunimos por uma mesma causa”, revela a estudante Brisa Cristina.

Há também quem aproveitou o evento para arrecadar um dinheiro extra, dezenas de ambulantes também se aglomeraram no percurso para vender lanches, bebidas e adereços. A estudante Judilene Soares e o seu grupo levaram isopores com água mineral para vender e ajudar na conta da formatura. 

“Aproveitamos a Marcha para realizar o nosso sonho, que é fazer uma festa de formatura. Mas nem por isso deixamos de louvar a Cristo, sabemos o motivo de estarmos aqui, da importância de aclamá-lo”.

Rede Meio Norte fez cobertura da Marcha 

A Rede Meio Norte deu um show de cobertura durante boa parte da marcha. Sob o comando da jornalista Maia Veloso e os comentários do pastor Josenildo, um dos organizadores do evento, mostraram com exclusividade as principais informações do evento. Um time de profissionais foi escalado para ir às ruas junto ao povo, onde captaram a alegria, fé e a devoção do povo piauiense.

"Nós demos total apoio à Marcha para Jesus, esse evento se consolidou muito nos últimos anos, não só na igreja que o promove, mas reúne pessoas que não estão nem ligadas à igreja. 

O mais importante é que não há violência, uma celebração pela paz, pela família e é isso que a Meio Norte quer mostrar, sendo parceiro de um evento que só tem a somar", assegura Marcos Monturil, coordenador de jornalismo da Tv Meio Norte.

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Uma multidão se reuniu na edição piauiense do maior evento cristão do país, ontem (04), a Marcha para Jesus 2015, em Teresina. Com o tema 

“Marchando pela Família Saudável, sem violência, sem drogas, sem pedofilia, sem crimes, sem suicídio”, a marcha contou com 10 trios elétricos para animar a multidão e se dividiu por todo o percurso da caminhada - do balão do São Cristóvão até a Avenida Frei Serafim, próximo ao cruzamento com a Rua Coelho de Resende. O evento levou fiéis de todas as idades, classes sociais e gêneros à avenida para declarar o seu amor a Jesus Cristo.

Segundo o apóstolo Soares, coordenador e fundador da Marcha para Jesus em Teresina, o tema significa marchar por uma família saudável com mais educação e segurança. “Temos três grandes pilares: declaramos que Jesus é o Senhor da família, a celebração da unidade da família e unidade do povo de Deus”, afirma o apóstolo.

Os evangélicos não foram os únicos a irem às ruas por Cristo, era possível encontrar pessoas de outras religiões pelo percurso. As irmãs Ana Célia e Nancir Fortes são católicas e nunca perderam nenhuma edição da Marcha para Jesus.

Segundo elas, toda manifestação em nome do Senhor é válida. “Nós viemos louvar a Jesus, esse evento é importante para que todos nós fiquemos unidos por Ele, independe qual a religião que seguimos. O fato de hoje os católicos celebrarem Corpus Christi não atrapalhou, sabemos dividir os dois eventos”, afirma Ana Célia.

A marcha também arrastou caravanas até a principal avenida da capital, um grupo de 40 jovens foram movidos pela fé até o evento. Para eles, celebrar a palavra de Deus deve ser feito com alegria, por isso, providenciaram enfeites com plaquinhas, camisetas e chapéus.

“Nós estamos aqui por causa do amor a Ele, sem o nosso Deus não somos nada, queremos demonstrar esse amor aqui, apesar de fazermos isso todos os dias, hoje é um dia muito especial, onde nos reunimos por uma mesma causa”, revela a estudante Brisa Cristina.

Há também quem aproveitou o evento para arrecadar um dinheiro extra, dezenas de ambulantes também se aglomeraram no percurso para vender lanches, bebidas e adereços. A estudante Judilene Soares e o seu grupo levaram isopores com água mineral para vender e ajudar na conta da formatura. 

“Aproveitamos a Marcha para realizar o nosso sonho, que é fazer uma festa de formatura. Mas nem por isso deixamos de louvar a Cristo, sabemos o motivo de estarmos aqui, da importância de aclamá-lo”.Fotos: Kelson Fontinele

Fonte: Rhauan Macedo