Matizes levará arco-íris ao Corso de Teresina

Segundo Herbert Medeiros, Coordenador de Imprensa do Matizes, o objetivo do Grupo é chamar a atenção para a importância do respeito aos animais.

O Grupo Matizes participará neste sábado do Corso, organizado pela Prefeitura de Teresina, através da Fundação Muncipal de Cultura Mons. Chaves. Com o tema "salve a bicharada", todos os integrantes da Arca da Diversidade estarão fantasiados de bicho.

Segundo Herbert Medeiros, Coordenador de Imprensa do Matizes, o objetivo do Grupo é chamar a atenção para a importância do respeito aos animais."A escolha do tema foi proposital. Exploramos o duplo siginificado das palavras "salve" e "bicharada", inclusive procurando ressignificar esta última - que sempre foi usada de forma pejorativa para se referir aos gays", explica o militante.

Em 2009, o Matizes participou do Corso pela primeira vez. Este ano, o número de participantes foi ampliado e o Grupo conseguiu apoios importantes para colocar sua Arca da Diversidade na rua. O Ministério da Cultura é um dos apoiadores do Matizes nessa atividade.

Além de militantes do movimento LGBT, estarão na Arca da Diversidade integrantes da Associação Piauiense de Proteção e Amor aos Animais - APIPA. Segundo Carmen Ribeiro, Coordenadora Geral do Matizes, a participação de LGBTs no Corso tem tudo a ver com a história dessa importante manifestação da cultura popular. "Sabemos que o auge do Corso se deu entre os anos 30 e 50, protagonizado por prostitutas da Paissandu que iam às ruas protestar contra a discriminação que elas sofriam. Nossa participação nos dias de hoje também tem esse sentido: dizer não ao preconceito", finaliza a Coordenadora.

Fonte: Matizes