Matrículas na rede estadual começam na segunda-feira dia 12

As matrículas devem ser feitas na própria escola escolhida pelo aluno ou responsável.

Iniciam nesta segunda (12) e vão até o dia 13 de fevereiro as matrículas para a Rede Estadual de Ensino para alunos novos no Ensino Médio Regular, Ensino Profissionalizante e para escolas Ensino Fundamental sob a gestão do Estado.

A superintendente de Ensino da Secretaria da Educação (Seduc), Viviane Fernandes, declarou que a intenção do governo é alcançar mais de 50 mil novas matrículas. Com isto, o número de matrículas na rede pode passar de 260 mil alunos, um total bem superior ao previsto para 2015 pelo censo escolar, que é de 206 mil.

A Secretaria da Educação pretende, assim, solicitar que o Ministério da Educação considere o excedente de matrículas para o cálculo do Fundeb para o ano de 2015.

Desta forma, o Estado teria aproximadamente mais R$ 150 milhões para pagamento de professores e investimentos em infraestrutura e ensino ainda este ano. As matrículas devem ser feitas na própria escola escolhida pelo aluno ou responsável.

"A Educação está em estado de emergência. Nós expomos as nossas necessidades e apontamos uma série de fatores que contribuíram na queda de matrícula, o que refletiu na diminuição de receitas.

Estamos com 345 obras paralisadas, o que soma um total de 100 milhões e não podemos perder esses recursos. Vamos fazer o que for da nossa parte para a educação do Piauí não perder", ressalta Rejane Dias, futura secretária de Educação.

LICEU - Apesar da estrutura incompleta para o início das aulas, as matrículas para o Colégio Zacarias de Góes, o Liceu Piauiense, serão feitas na própria escola.

Estarão abertas 180 vagas para o Ensino Integrado, com curso técnico em Administração e Informática, e 225 vagas para o Ensino Médio de Tempo Integral. Os candidatos para o sistema integral ainda precisarão realizar uma prova de redação, para fins de seleção dos estudantes.

O edital com as regras da seleção deve ser publicado na segunda-feira (12). Os alunos não selecionados terão vaga garantida em outras escolas de Ensino Médio Regular. A maior parte dos alunos do Liceu vai iniciar as aulas no Instituto de Educação, no bairro Pirajá, até que se conclua a reforma na unidade para garantir as condições de aula.

Os documentos necessários para matrícula são: 1) Ensino Fundamental: cópia da certidão de nascimento do aluno e histórico escolar original; 2) Ensino Médio: documentos de identificação (CPF, Identidade, Comprovante de Residência), histórico escolar do Ensino Fundamental e título de eleitor para alunos maiores de 18 anos; 3) Ensino profissionalizante: documentos de identificação, histórico escolar do Ensino Fundamental e título de eleitor para alunos maiores de 18 anos e foto 3×4.

Clique aqui e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Jornal MN