MEC divulga primeira chamada do Sisutec do 2º semestre de 2014; matrícula vai até 1º de agosto

MEC divulga primeira chamada do Sisutec do 2º semestre de 2014; matrícula vai até 1º de agosto

As inscrições terminariam na sexta-feira (25), mas foram prorrogadas até domingo (27)

A primeira chamada do Sisutec (Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica) do segundo semestre de 2014 foi divulgada nesta terça-feira (29).

As inscrições terminariam na sexta-feira (25), mas foram prorrogadas até domingo (27).

A matrícula dos convocados na primeira chamada deve ser feita entre 30 de julho e 1º de agosto. De acordo com o edital do Sisutec, o local de realização de matrícula do candidato será o mesmo local de oferta do curso.

A segunda chamada deve ser publicada no dia 5 de agosto, com matrícula prevista para os dias 6, 7 e 8 do mesmo mês.

O candidato que for selecionado em primeira chamada para a primeira opção de curso não participará da segunda chamada, mesmo que não tenha efetuado a matrícula.

Já o candidato que for selecionado em primeira chamada para a segunda opção de curso poderá continuar a concorrer, em segunda chamada, a uma vaga para sua primeira opção de curso, quando houver vaga disponível, tendo ou não efetuado matrícula na instituição de ensino durante a primeira chamada.

As vagas que não forem ocupadas após as chamadas regulares do Sisutec serão preenchidas mediante inscrição online, entre os dias 11 e 20 de agosto. Nesta etapa, o requisito para inscrição será apenas a conclusão do ensino médio, contemplando-se a participação de candidatos que tenham ou não realizado o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

Vagas

Ao todo, foram ofertadas 289.341 vagas gratuitas em cursos técnicos subsequentes ao ensino médio. As instituições privadas oferecem a maior parte das vagas: 247.888. Já as instituições públicas disponibilizaram 10.457 vagas. O Sistema S (Senac e Senai) participa com 30.996 vagas.

"Temos muitos cursos práticos, focados nas áreas industriais e de tecnologia da informação. Esses cursos práticos oferecem melhor inserção no mercado de trabalho", afirmou o secretário de Educação Profissional e Tecnológica do MEC, Aléssio Trindade de Barros.

Como os cursos técnicos ofertados têm em média dois anos e o programa ainda está em seu 3º semestre, ainda não é possível falar em dados de empregabilidade dos formandos.

Os cursos fazem parte do Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego). As aulas terão início entre os dias 18 de agosto e 15 de setembro.

Enem e reserva de vagas

Para concorrer às vagas das duas chamadas regulares era preciso ter feito o Enem 2013. O candidato podia escolher até duas opções de curso.

Segundo o edital, 85% das vagas disponíveis serão destinadas para estudantes que, independentemente de renda per capita familiar, tenham cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em instituições privadas, na condição de bolsista integral.

Além disso, 50% das vagas disponíveis nas instituições federais de ensino serão destinadas para estudantes oriundos de famílias com renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio per capita, que tenham cursado o ensino médio completo em escolas públicas ou em instituições privadas, na condição de bolsista integral.

Fonte: UOL