Médicos retiram tumor raro de menina de 4 anos na Índia

Renu passa bem e receberá alta em breve

Uma garotinha de 4 anos teve um tumor do tamanho de uma bola de futebol removido de seu crânio. A cirurgia para a remoção foi feita pelos médicos da King George Medical University no último dia 22 de dezembro.

Renu antes da cirurgia (Crédito: Reprodução)
Renu antes da cirurgia (Crédito: Reprodução)


Renu, mora na índia com os pais e foi salva com a ajuda de voluntários, que postaram fotos dela em redes sociais e acabaram sensibilizando o ministro-chefe do estado.

O tumor da menina era benigno mas perigoso e é conhecido na área médica como encefalocele occipital gigante. O tumor, um dos dois únicos casos conhecidos no mundo, vinha crescendo na região occipital, a parte do cérebro que controla a visão, desde que a garota nasceu.

Renu depois da cirurgia (Crédito: Reprodução)
Renu depois da cirurgia (Crédito: Reprodução)


“Ele teria aumentado ainda mais e era capaz de se romper. Se isso tivesse acontecido, a menina menina não iria sobreviver”, explicou o médico. Ainda segundo o médico, o principal desafio da cirurgia era retirar o tumor sem danificar os nervos oculares da criança.

Equipe médica (Crédito: Reprodução)
Equipe médica (Crédito: Reprodução)


A operação foi um sucesso, mas Kureel diz que vai demorar um tempo até que eles saibam se o tumor causou outras sequelas em Renu. O pai da, o lavrador Jhinkant, classificou o caso como um milagre. “Eu não sei o que a mídia social é e como ela funciona. Mas uma coisa eu sei: ela ajudou a salvar a vida da minha filha. Esse ato de compaixão tem restaurado a minha fé na humanidade. Só tenho a agradecer. Deus abençoe a todos eles”, disse emocionado.

Fonte: Com informações do Extra