Menina é ferida ao ser lançada de brinquedo em parque de diversão

Menina é ferida ao ser lançada de brinquedo em parque de diversão

Ela teve corte profundo na cabeça, mas não corre risco de morte, diz família

Uma menina de 12 anos foi arremessada de um dos brinquedos de um parque de diversão neste domingo (25). A adolescente foi levada para um hospital particular na Asa Sul. Segundo parentes, ela sofreu um corte profundo na cabeça e várias lesões pelo corpo, mas não corre risco de morte.

A contadora Carmem Lúcia Souza conta que a filha estava com mais três amigas da mesma idade comemorando o aniversário de uma delas no Parque da Cidade. A mãe disse ainda que o pai da aniversariante acompanhava as garotas quando aconteceu o acidente.

?O brinquedo é preso apenas com uma barra. Não tem cinto de segurança e ele gira muito rápido. Ela não conseguiu segurar e foi arremessada para fora do brinquedo?, conta. Depois de ser arremessada, a garota teria batido a cabeça em uma grade.

A perícia analisou o equipamento durante a madrugada. De acordo com a administração do parque, o brinquedo veio da Europa e foi lançado em abril do ano passado. Na hora do acidente, um funcionário era responsável por monitorar a entrada de crianças e adolescentes, além de orientar todos como se posicionar.

O caso é investigado pela delegacia da Asa Sul. No primeiro momento, a polícia quer saber se houve negligência por parte do funcionário do parque em não conferir os equipamentos de segurança do brinquedo. Em seguida, vai descobrir se houve falha mecânica e se a máquina passava por manutenção.

Tanto o funcionário quanto o dono do parque podem responder por lesão corporal culposa, quando não há intenção. A mãe da menina estuda a possibilidade de processar o parque de diversão.

O resultado da perícia deve ficar pronto em até 30 dias. De acordo com a delegacia da Asa Sul, até a publicação desta reportagem, nenhum representante do parque havia aparecido para prestar informações sobre o acidente. Ainda segundo a Polícia Civil, os funcionários do parque vão ser ouvidos a partir desta terça-feira (27).

Fonte: G1