Michel Temer é vaiado durante abertura da Olimpíada no Rio

No início da cerimônia, a presença de Temer não foi anunciada

O presidente em exercício, Michel Temer, foi vaiado durante a cerimônia de abertura da Olimpíada, na noite desta sexta-feira (5), no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro.

Na parte final da cerimônia, sob muitas vaias e alguns aplausos, Temer assumiu o microfone e falou a frase que abre oficialmente os jogos. 

No início do evento, ele não havia sido anunciado. Pelo protocolo, o nome do presidente do país-sede é anunciado junto com o do presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), mas apenas Thomas Bach foi anunciado antes do hino nacional.

A assessoria de Temer afirmou que o presidente em exercício não pediu à organização para não ser anunciado, e que todo o formato da cerimônia foi definido pelo COI. Inicialmente, havia a informação de que Temer tinha pedido para não ter o nome anunciado.

Michel Temer é vaiado durante abertura da Olimpíada no Rio (Crédito: Reprodução)
Michel Temer é vaiado durante abertura da Olimpíada no Rio (Crédito: Reprodução)


No guia de mídia entregue aos jornalistas antes do evento,estava prevista a "apresentação dos presidentes" do COI e do Brasil, mas Temer ficou de fora do anúncio. Na semana passada, ele disse estar "preparadíssimo" para receber vaias na cerimônia de abertura.

Durante o dia, ocorreu em Copacabana um protesto que pedia a saída de Temer e a volta da presidente afastada Dilma Rousseff. Por causa da manifestação, o trajeto da tocha olímpica precisou ser alterado.


Fonte: G1