Monumento da Batalha do Jenipapo se torna Patrimônio Nacional

As homenagens foram finalizadas com uma missa em ação de graças

Em comemoração aos 193 anos da luta que gerou a independência do Piauí e consequentemente do Brasil, o governador e demais autoridades do estado participaram de um culto em ação de graças em memória aos heróis da Batalha do Jenipapo, no município de Campo Maior e em seguida se dirigiram ao cemitério do monumento, onde agraciaram os guerreiros com uma corbélia de flores ao som de trombetas.

Na ocasião Wellington Dias afirmou que  o monumento símbolo da luta e coragem dos piauienses será patrimônio nacional. "Nesse monumento em que homens e mulheres destacados garantiram a independência não apenas do Piauí, mas do Brasil, quero comemorar a arceria que fizemos com o ministro da Defesa Aldo Rebelo, juntamente com o Exército Brasileiro do Piauí e a prefeitura de Campo Maior para que nesse local nós tenhamos as condições de preparar essa área para aquilo que hoje está na legislação brasileira, a comemoração como patrimônio nacional do Brasil".

Ainda em memoria aos heróis do jenipapo houve um desfile cívico militar seguido pela entrega de títulos e medalhas de honra ao mérito dado a pessoas que atingiram o reconhecimento público das suas atividades.

Cordéis com a história da batalha do jenipapo foram distribuídos entre os presentes, que tiveram a oportunidade de conhecer melhor essa história sobre que contribuiu para a independência do país através da peça teatral e musical "A Batalha do Jenipapo", que contou com 64 atores e cantores em cena, incluindo o global Carlos Casagrande.

As homenagens foram finalizadas com uma missa em ação de graças na Igreja Matriz de Santo Antonio no centro da cidade.

Fonte: Com informações do Portal do Governo