Floriano: Moradores quebram Agespisa após falta de água

Os moradores do município florianense estão ficando boa parte do dia sem água.

Usuários da Agespisa, insatisfeitos com a falta d?água que acomete o município nos últimos dias, quebraram as portas da empresa que abastece a cidade de Floriano nesta sexta-feira (16).

De acordo com o Diretor da Agespisa Regional de Floriano, Augusto Sales, uma pedra foi arremessada contra a porta de vidro do estabelecimento.

Indignado com o fato, o Diretor Regional da Agespisa pediu a compreensão dos usuários, explicando que os funcionários não têm culpa do sistema estar dessa forma e que a empresa tem trabalhado diariamente para sanar a problemática da falta de água no município, agravada pelo baixo volume hídrico do rio Parnaíba.

Os moradores do município florianense estão ficando boa parte do dia sem água desde a primeira interrupção do funcionamento da Estação de Tratamento da Agespisa, ocorrido no início da semana.

A falta d?água acontece devido à obra para instalação de um flutuante no leito do rio Parnaíba, realizado a Agespisa (Águas e Esgotos do Piauí S/A).

A medida emergencial foi necessária porque o nível das águas do Rio Parnaíba baixou e os equipamentos não conseguem recalcar água para a Estação de Tratamento da Agespisa.

E para execução desse serviço foi necessário paralisar o sistema que abastece o município de Floriano em intervalos de tempo. Com a instalação do equipamento, a expectativa da empresa é que seja melhorado o abastecimento em todo o município.


Moradores quebram portas da Agespisa após falta de água em Floriano

Moradores quebram portas da Agespisa após falta de água em Floriano

Fonte: Florianonews