Morre mãe que tentou salvar de incêndio filha com Síndrome de Down

Morre mãe que tentou salvar de incêndio filha com Síndrome de Down

A mãe da criança teve queimaduras em 60% do corpo.

Depois de 15 dias de internação em estado grave, morreu nesta segunda-feira (3) a mãe que teve 60% do corpo queimado para salvar o filho de sete anos de um incêndio, que destruiu completamente a casa onde moravam, no dia 18 de setembro, em Sapiranga, no Rio Grande do Sul.Segundo o Corpo de Bombeiros de Porto Alegre, a mãe retirou o filho de sete anos, que tem Síndrome de Down, pela janela, mas não conseguiu sair.

Ainda de acordo com os bombeiros, ela foi retirada pelos vizinhos já com queimaduras nas vias aéreas e em várias partes do corpo. Eles arrombaram uma porta na residência. O incêndio foi controlado em cerca de uma hora.

A mãe foi internada no Hospital de Sapiranga, ontem permaneceu em estado grave até o dia 19 de setembro, data em que foi transferida para o Hospital de Pronto Socorro (HPS) de Porto Alegre. Na manhã desta segunda, morreu em razão das queimaduras na UTI de traumas.

Conforme a equipe de enfermagem de Sapiranga, ela teve queimaduras em 60% do corpo. A criança não teve ferimentos.

Fonte: G1