Motorista que atropelou e matou um ciclista na zona sul de SP é foi solto

O motorista que atropelou e matou no último sábado (27) o ciclista Luiz Gonzaga Posse da Silva, 49, na zona sul de São Paulo, foi solto.

O motorista que atropelou e matou no último sábado (27) o ciclista Luiz Gonzaga Posse da Silva, 49, na zona sul de São Paulo, foi solto na noite desta segunda-feira (29) após pagamento de fiança de dois salários mínimos. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP). Jurandi Afonso Nascimento, 37, foi preso em flagrante logo após o atropelamento.

Silva foi atropelado na rua Carlos Lacerda, no Campo Limpo, por volta das 4h50, quando se dirigia para a zona oeste da capital paulista, onde trabalhava como porteiro em um prédio residencial. Ele foi atingido por Nascimento quando o motorista trafegava pela contramão.

De acordo com a SSP, testemunhas disseram à polícia que Nascimento estava em um bar antes do acidente, onde teria consumido cerveja. Ao ser questionado, o torneiro mecânico confirmou que havia consumido duas latas da bebida, mas que não teria visto o ciclista.

Um exame feito pela polícia confirmou que ele estava alcoolizado, mas a SSP não soube informar qual o nível de álcool identificado no sangue. Ele também disse à polícia que trafegava pela contramão para despistar de outro veículo que teria ido em direção a ele.

Nascimento foi levado inicialmente para o 89ª DP e depois encaminhado para o 91º, onde ficou preso indiciado por homicídio, fuga de local de acidente e embriaguez ao volante.

A reportagem não localizou o motorista nem um advogado dele para comentar o caso.



Fonte: UOL