Mulher que perdeu vôo AF 447 morre em acidente na Áustria

O carro se chocou contra um caminhão na estrada austríaca; marido está gravemente ferido

Johanna Ganthaler e o marido Kurt, que perderam o vôo AF 447 da Air France, que caiu no Atlântico no último dia 1º, sofreram um acidente de carro em Kufstein, na Áustria. A mulher morreu no acidente e o marido ficou seriamente ferido. As informações são da Sky News.

Não há informações sobre a causa do acidente, nem o horário exato. O carro do casal se chocou contra um caminhão na estrada austríaca.

O casal viajou a turismo para o Brasil e deveria retornar no AF 447 para Paris. Mas os dois perderam o avião e pegaram um vôo diferente para a Europa. O jato caiu com 228 pessoas no Atlântico.

O acidente

O Airbus A330 saiu do Rio de Janeiro no domingo (31), às 19h (horário de Brasília), e deveria chegar ao aeroporto Roissy - Charles de Gaulle de Paris no dia 1º às 11h10 locais (6h10 de Brasília).

De acordo com nota divulgada pela FAB, às 22h33 (horário de Brasília) o vôo fez o último contato via rádio com o Centro de Controle de Área Atlântico (Cindacta III). O comandante informou que, às 23h20, ingressaria no espaço aéreo de Dakar, no Senegal.

Às 22h48 (horário de Brasília) a aeronave saiu da cobertura radar do Cindacta, segundo a FAB. Antes disso, no entanto, a aeronave voava normalmente a 35 mil pés (11 km) de altitude.

A Air France informou que o Airbus entrou em uma zona de tempestade às 2h GMT (23h de Brasília) e enviou uma mensagem automática de falha no circuito elétrico às 2h14 GMT (23h14 de Brasília). A equipe de resgate da FAB foi acionada às 2h30 (horário de Brasília).

Desde a manhã de sábado, foram localizados 41 corpos próximos ao local onde a aeronave emitiu as últimas notificações. As vítimas são levadas até Fernando de Noronha por embarcações da Marinha.

Fonte: Terra, www.terra.com.br