THE: Mutirão é formado para fiscalizar casas de shows

THE: Mutirão é formado para fiscalizar casas de shows

Segundo levantamento, apenas 22 casas estão em situação regular de segurança na capital

O Ministério Público, Prefeitura de Teresina, Corpo de Bombeiros e secretarias municipais e estaduais de Meio Ambiente estudam criar um mutirão para fiscalizar as casas de shows de Teresina. Segundo levantamento, apenas 22 casas estão em situação regular de segurança.

A principal preocupação da comissão é com casas de show em ambientes fechados, que devem ter uma segurança maior por deixar seus usuários reclusos, como no caso da boate Kiss, onde ocorreu a tragédia que matou 237 jovens na semana passada, em Santa Maria, no Rio Grande do Sul. Depois, as atenções se voltarão para outros tipos de empreendimentos.

Um dos grandes empecilhos à fiscalização é o fato de que muitos empresários, ao entrar com pedido de regularização, diz se tratar de um "Bar, restaurante ou similar". Entretanto, colocam bandas para tocar, e bandas não são abarcadas na classificação de bar ou restaurante, e sim de "Casa de Shows", o que traz restrições muitos maiores para o funcionamento da casa

Outros problema é a manutenção dessa fiscalização, que deve ser de ano a ano, para verificar se os extintores estão funcionando, por exemplo. Para resolver esse problema, seria necessária uma fiscalização constante a todas essas casas.

Fonte: Andrê Nascimento