"Nem me pediu desculpa", diz aluno de 14 anos espancado por professor dentro da sala de aula

"Nem me pediu desculpa", diz aluno de 14 anos espancado por professor dentro da sala de aula

Aluno de 14 anos disse ter ficado traumatizado pelas agressões sofridas em sala

Apesar de não ter mais hematomas das agressões sofridas pelo professor de Matemática, o aluno de 14 anos ainda guarda mágoa do episódio ocorrido em 10 de abril em uma escola municipal em Maricá, na região dos lagos. Uma colega dele filmou o momento em que ocorreu a sequência de socos.

O suspeito foi afastado das atividades pela Secretaria Estadual de Educação, que abriu sindicância para apurar os fatos. A delegacia da área também investiga.

Segundo a vítima, o professor sequer se demonstrou arrependido. No dia seguinte ao ataque, quando o caso ainda não tinha ganhado repercussão na imprensa, os dois voltaram a se encontrar. O agressor evitou trocar olhares, como contou o menino à reportagem da Record.

?No dia seguinte teve prova, eu fiz normal, ele não ficou na sala de aula, ele saiu, não pediu desculpa.

A vítima ficou revoltada ao saber que o professor contou à direção da escola que se tratava de uma brincadeira entre eles. Os colegas do menino disseram à Record que o adolescente é calmo e não se envolve em confusões. Assista ao vídeo:

Fonte: r7