Obra de galeria cede com peso de caminhão carregado na BR-230

As obras estão atrasadas.

Vários transtornos a quem passa pela Avenida Transamazônica, trecho urbano da BR-230, tem sido causados pela obra da galeria pluviométrica em Oeiras.

Além dos transtornos a quem passa por aquela via, os comerciantes da região, em especial os do Terminal Rodoviário tem suas atividades prejudicadas devido a intensa poeira e ao forte odor causado pelos dejetos que correm a céu aberto pela BR.

Nesta segunda-feira, 09, parte do terreno da área da obra cedeu, no momento em que uma caçamba carregada passava pelo local, e por pouco não causou um acidente mais grave.

Image title

Outro problema existente no local, é que parte do asfalto foi retirada para a construção da caixa subterrânea por onde vai escoar a água da chuva, e mesmo após a conclusão desta etapa o trecho não teve o asfalto recomposto, sendo colocada uma camada de piçarra, aumentando ainda mais a poeira no local.

A obra da galeria em Oeiras tem como finalidade controlar as águas pluviais que causam transtornos no período chuvoso ao deixar ruas alagadas, e é realizada com recurso da PAC, Caixa Econômica Federal, Governo do Estado e o Município. A galeria terá uma extensão de 3,5 km, a estrutura será toda coberta.

Image title


Fonte: Mural da Vila